“A senhora depois vê”

“A senhora depois vê,” diz o operário corticeiro para a repórter. A senhora vai ver e vem-nos contar. Nós não vemos, mas ficamos a ver. Está tudo lá e vemo-lo melhor do que se estivessemos de facto a ver.
Intriga-me este ver sem ver através da rádio. As reportagens da TSF, as de Maria Augusta Casaca e outras dos seus companheiros, são uma forma de desvendar o mistério; em suma, de aprender sobre este fenómeno que me continua a fascinar, de forma quase infantil, que é o contar por som.
O País da Cortiça” fala-nos deste mundo do sobreiro e da extracção da cortiça, em que Portugal dá cartas. É uma magnífica reportagem de Maria Augusta Casaca, com sonoplastia de Luís Borges.
Neste caso, trata-se de uma reportagem que trata um tema que conheço bem porque, em tempos, realizei um pequeno documentário sobre ele, chamado “9 Anos Depois...”. 
No caso deste “derby” audio-video devo confessar que fui goleado pelo audio!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Acasos felizes que geram ECOS

Tocar

Não me imagino, também eu, a viver de outra forma...